Revista Fapesp: Cestas mais rápidas em casa

Revista Fapesp: Cestas mais rápidas em casa

Análises estatísticas de campeonatos de esportes coletivos como o futebol já comprovaram que o fenômeno da “vantagem de jogar em casa” existe mesmo. Jogar em sua própria arena não é garantia de vitória, mas tende a ajudar. “Examinamos o que ocorre em uma partida para dar essa vantagem”, diz Haroldo Ribeiro, físico da Universidade Estadual de Maringá. Ribeiro e seus colegas Satyam Mukherjee, da Universidade Northwestern, em Illinois, Estados Unidos, e Xiao Han Zeng, da empresa Groupon, Estados Unidos, analisaram 16 mil jogos de basquete das temporadas de 2001 a 2014 da National Basketball Association (NBA). Avaliando as partidas jogada por jogada, os pesquisadores confirmaram que todos os times tendem a pontuar mais e mais rapidamente quando atuam em casa, sobretudo no primeiro tempo da partida (PLoS One, 25 de março). “O tempo entre uma cesta e outra diminui”, conta Ribeiro, especulando que talvez o calor da torcida e a familiaridade com a quadra deem uma vantagem inicial ao time da casa. Os físicos também notaram que alguns times parecem aproveitar essa vantagem melhor que outros, embora, no geral, esse efeito tenha diminuído nas últimas temporadas da NBA.

Read the story at: http://revistapesquisa.fapesp.br/2016/06/15/cestas-mais-rapidas-em-casa/

Read our article: The advantage of playing home in NBA: microscopic, team-specific and evolving features